Escolha uma Página

06. A Promessa do Pai

Através da fé em Jesus como nosso Senhor e Salvador, recebemos o perdão de Deus, a libertação do julgo do Maligno e agora vivemos na posse do  Espírito Santo.

 No Antigo Testamento os profetas proclamavam que no tempo messiânico Deus derramaria o seu Espírito sobre todo o ser vivo (Joel 5,1-3). Para que o Espírito Santo é prometido?

  • Para nos purificar de todas as nossas abominações e transformar os nossos corações para vivermos uma vida nova no Senhor (Ez 11,19-20).
  • Para ser a Lei divina em nossos corações (Ez 36,25-28).
  • Para nos vivificar e sermos participantes da natureza divina. Ou seja, no Espírito Santo somos elevados à semelhança divina e marcados, selados como propriedade do Senhor (Is 32,15-20; Is 44,3; Jr 31,33; Ez 37,1-14).

O ESPÍRITO SANTO É UMA PESSOA. Através da Bíblia, o ESPÍRITO SANTO é revelado como Pessoa, com sua própria individualidade (2Cor 3,17-18; Hb 9,14; 1Pe 1,2). Ele é uma Pessoa divina como o Pai e o Filho (Mt 28,19). O ESPÍRITO SANTO não é mera influência ou poder. Ele tem atributos pessoais, a saber: Ele pensa (Rm 8,27), sente (Rm 15,30), determina (1Co 12,11) e tem a faculdade de amar e de deleitar-se na comunhão. Foi enviado pelo Pai para levar os crentes à íntima presença e comunhão com JESUS (Jo 14,16-18.26). À luz destas verdades, devemos tratá-lo como pessoa, que é, e considerá-lo DEUS vivo e infinito em nosso coração, digno da nossa adoração, amor e dedicação (ver Mc 1,11).

A OBRA DO ESPÍRITO SANTO EM RELAÇÃO A NÓS. Em relação aos homens não regenerados: Luta (Gn 6,3); Testifica (JO 15,26; At 5,32); Convence (Jo 16,8-11).

Em relação aos cristãos: Regenera (Jo 3,3-6; 6,63; Tt 3,5; I Cor 2, 4; 3,6); Batiza (Jo 1,32-34; ICor12,13; At 1,5). Habita (ICor 3,16; 6,15-19; Rm 8,9); Sela (Ef 1,13-14 ;4,30); Testifica (Rm 8,14.16); Fortalece (Ef 3,16); Enche (Ef 5,18-20); Liberta (Rm 8,2); Guia (Rm 8, 14; At 8,27-29; 13,2,4); Ilumina (ICor .2,12.14); Instrui (Jo 16, 13.14); Capacita (Its 1,5; At 1,8; ICor 2,1-5); Produz Frutos (Gl 5,22-23; Flp 3,3; At 2,11); Intercede (Rm 8, 26; Jd 20).

Precisamos acolher o Espírito Santo em nossas vidas. Quando permitimos que Ele seja livre em nós acontece uma grande transformação, porque tudo o que o Espírito Santo toca se transforma (1Sm 10,6-7). Portanto, devemos está abertos a toda ação libertadora do Espírito Divino que toca a nossa humanidade doente para nos curar e transmite a vida divina. Por isso, devemos suplicar ao Pai em oração, pois, Cristo promete que: “O Pai dará o Espírito Santo aos que lho pedirem” (Lc 11,13).

Compartilhe esta postagem: