Escolha uma Página

04. Senhorio do Senhor

O Senhor Jesus com toda a sua vida amou o Pai e lhe foi obediente, realizando de uma vez para sempre a salvação de todos nós. E, esta salvação se deu por meio da sua encarnação, morte e ressurreição. Por isso, diz São Paulo, “Deus o exaltou soberanamente e lhe outorgou o Nome que está acima de todos os nomes, para que ao nome de Jesus se dobre todo joelho no céu, na terra e nos infernos. E toda língua confesse, para a glória de Deus Pai, que Jesus Cristo é o Senhor” (Flp 2,9-11). Em Jesus está todo o mistério da nossa salvação, pois:

Jesus Vive, é o Ressuscitado. Jesus é o Vivente que vivifica, ele é a fonte de vida e de fé (1Cor 15,45; 2Cor 4,14). Jesus foi ressuscitado para nós, capacitando-nos com o seu poder para nos afastarmos de nossas iniquidades (At 3,26).

Jesus é o Cristo. Jesus é o ungido do Espírito Santo, o Messias (Is 11,1; 42,1;61,1) que dá o Espírito Santo (Jo 1,33;7,39; 16,7) para conversão e perdão dos pecados.

Jesus é o Mediador. O Filho de Deus é o nosso único e eterno sacerdote e pontífice da nossa fé (Jo 14,6-9; Hb 4,14-10,1-18; 1Tm 2,5-6). Ressuscitado e glorificado interceder por nós diante do Pai.

Jesus é Senhor e Deus (Jo 20,28; Flp 2,11).  Ao proclamarmos a Jesus como “Senhor” (KYRIOS), devemos ter em mente dois sentidos:

Sentido Teológico. Reconhecer que Jesus é da mesma natureza do Pai, é Deus como o Pai e o Espírito Santo é Deus (Jo 14,7.9.10; 8, 57.24.28). É Senhor do universo, principio e fim de toda a existência. Homem, animais e toda a criação lhe estão submetidos. Vencedor da morte e do maligno, céu, mar e terra estão sob seu domínio (Flp 2, 7ss). Juiz de vivos e mortos (At 11, 42).

Existencial. Reconhecer que Jesus é o Senhor é estabelecê-lo como dono absoluto de todo a nossa vida. É assumi-lo como Rei e dominador da nossa existência e de toda a nossa história.

Essa afirmação de Cristo como Senhor não é simplesmente uma propaganda, mas uma experiência existencial e carismática, pois, só pelo Espírito Santo é que podemos assumir a Jesus como Senhor e Salvador. Leia 1Cor 12,3 .

É o Espírito Santo quem glorifica Jesus em nós e nos leva a fazer a vontade do Pai. Leia as citações abaixo e as transcreva: Jo 15,26; 16,14.

A glorificação de Jesus é para a nossa conversão e para que sejamos perdoados de nossos pecados. Sendo assim, acreditando no Cristo e declarando-o como Senhor, possamos ter a vida em seu nome (Jo 20,31). Nele devemos viver, nos mover e ser. Pautando a nossa vida pelos valores do Santo Evangelho, alicerçando a nossa vida nele (Mt 7,24-27).

Compartilhe esta postagem: